Entenda como funciona a Dieta dos líquidos

Perder peso com esforço mínimo é algo impossível, mas existem diversas dietas que prometem que você fique magro, além de desintoxicar o seu corpo. No entanto, a dieta dos líquidos é uma alternativa para alcançar o peso desejado e um corpo perfeito.

O que é dieta dos líquidos?

As dietas dos líquidos controlam a ingestão de calorias, restringindo o que você come e os líquidos.

Algumas dietas líquidas incluem sucos de frutas ou vegetais, sucos ou batidas que podem substituir todas as suas refeições.

Neste caso, o consumo é feito em três ou quatro vezes por dia. Outros tipos de dietas líquidas substituem apenas uma ou duas refeições (geralmente café da manhã e almoço) com bebidas, mas permitem que você coma um jantar saudável e equilibrado. Essas dietas também incluem lanches para refeições intermediárias.

Dietas dos líquidos funcionam?

As dietas líquidas contêm um número reduzido de calorias. Se você comer menos calorias do que você queima, você vai perder peso. No entanto, essa perda de peso pode ser de curta duração.

Quando você reduz drasticamente a quantidade de calorias que você consome, seu metabolismo diminui para economizar energia. A menos que você altere seus hábitos alimentares, você vai recuperar o peso.

No geral, algumas dietas líquidas funcionam melhor em longo prazo do que outras. Os pesquisadores descobriram que as dietas que incluem alimentos e líquidos podem ajudar as pessoas com sobrepeso a controlar o número de calorias que comem com refeições líquidas e ajudam a manter o peso por vários anos.

Quanto à alegação de algumas dietas líquidas de que eles podem “desintoxicar” o sistema, limpando de impurezas, não há provas.

A dieta dos líquidos é segura?

As bebidas da dieta líquida precisam ter os nutrientes para ao longo do dia. As dietas baixas em calorias (400 a 800 calorias por dia), em particular, podem diminuir os nutrientes e só devem ser usadas sob supervisão médica.

A falta de nutrientes pode levar a efeitos colaterais como fadiga, tonturas, perda de cabelo, cálculos biliares, intolerância ao frio, desequilíbrio eletrolítico e danos cardíacos. A falta de fibras e não consumir frutas e vegetais pode levar a constipação e outras doenças digestivas. Você também pode perder massa corporal magra se você não incluir proteínas suficientes em sua dieta líquida.

As dietas líquidas são usadas para fins médicos?

As pessoas que estão prestes a se submeter a certos procedimentos cirúrgicos, como a colonoscopia e a sigmoidoscopia, exigem pouco ou nenhum alimento no intestino.

Neste caso, podem precisar seguir uma dieta líquida por um ou dois dias antes do teste. Às vezes, os pacientes são colocados em uma dieta líquida por alguns dias, após a cirurgia ou durante certos tratamentos médicos até o trato digestivo estar funcionando novamente.

As dietas líquidas indicadas neste caso incluem líquidos claros, como sopa, suco de frutas, entre outros.

Além disso, as pessoas que são obesas e que precisam ser operadas (incluindo a cirurgia bariátrica) às vezes vão em uma dieta líquida para obter um peso mais seguro antes do procedimento. Entretanto, este tipo de dieta líquida é supervisionado por profissionais médicos.

Algumas pesquisas sugerem que a dieta dos líquidos podem ajudar as pessoas com certas condições de saúde.

Por exemplo, há evidências de que pacientes com doença de Crohn, que causa inflamação no trato gastrointestinal, podem se beneficiar de uma dieta líquida com alta quantidade de calorias. Ou seja, ao dar ao intestino um descanso, uma dieta líquida pode ajudar a suprimir os sintomas da doença de Crohn.

Como fazer uma dieta líquida?

Primeiro, fale com seu médico, pois alguns casos como as mulheres grávidas ou lactantes e pessoas com diabetes dependente de insulina devem ignorar as dietas líquidas.

Se o seu médico permitir seguir a dieta, também é preciso procurar um nutricionista registrado, que possa orientar se você está recebendo calorias e os nutrientes suficientes.

Ainda sua nutricionista pode recomendar que você tome um suplemento vitamínico ou nutricional enquanto estiver na dieta líquida.

Antes de escolher um plano de dieta líquida, saiba o que está bebendo. Se estiver considerando uma das dietas comerciais, observe os valores diários no rótulo dos fatos nutricionais. Inclusive não deixe de certificar de obter 100% de todas as vitaminas e minerais recomendados.

Para que você não recupere todo o peso ao fazer a transição de volta aos alimentos sólidos, escolha uma dieta que não seja muito baixa em calorias e que lhe permita perder o peso gradualmente.

O modelo de dieta dos líquidos que incluem uma refeição ou duas por dia, ou que lhe ensinem hábitos alimentares mais saudáveis, vão ajudar a manter o peso em longo prazo. Tem alguma dúvida? Deixe sua opinião nos comentários.

Juliana Correia
 

Fitness Coach