Como usar óleo de coco

O óleo de coco apresenta diversos benefícios, no entanto, ainda existem muitas dúvidas de como usar óleo de coco. Este tipo de solução pode ser aplicado na alimentação, para a pele e até para emagrecer.

O que possui o óleo de coco

O óleo de coco é uma fonte vegetal que possui a concentração de ácido láurico. Esta substância é responsável pela ação antioxidante e anti-inflamatória.

Com isto os atrativos do óleo de coco são inúmeros, já que ele não atua somente quando é consumido em alimento, mas também quando ele é utilizado na pele e nos cabelos.

Qual melhor tipo e como usar óleo de coco

Para garantir os benefícios do óleo de coco é preciso fazer a escolha correta.

De acordo com especialistas o óleo de coco precisa ser extra virgem, prensado a frio e se possível orgânico.

Diante disso, antes de saber qual é o indicado é preciso aprender como usar óleo de coco. Para auxiliar, veja algumas aplicações que o óleo de coco pode ajudar em sua saúde.

5 formas de saber como usar óleo de coco

1 – Óleo de coco melhora a imunidade

O óleo de coco é um alimento funcional, composto por triglicerídeos de cadeia média, quando eles chegam ao estômago são transformados em monolaurina. Sua ação atua como antibactericida, antifúngico e antiviral, portanto, ele age na imunidade.

Entre suas características ele é rico em vitaminas lipossolúveis (A, D, E e K), que servem no controle do colesterol, e aumenta o HDL (gordura boa) e reduzem o LDL (gordura ruim). Diante disso, ele possui um efeito anti-inflamatório e antitrombótico.

2 – Óleo de coco funciona com qualquer alimento

Devido ao seu sabor neutro, outra dica de como usar óleo de coco é ser aplicado no preparo de vários alimentos. Conforme nutricionistas uma alternativa é utilizar para o tempero de saladas e verduras ou para refogar legumes, arroz e proteínas.

Já quem prefere consumir cru, pode servir na salada de frutas, vitaminas, café entre outros itens.

3 – Óleo de coco para emagrecer

Entre estas características ele possui o poder de combater os radicais livres e consequentemente deixar o organismo resistente, quando o assunto é perda de peso.

Comprovado pela ciência, o óleo de coco extravirgem tem a função de auxiliar a glândula tireoide e como consequência estimular o metabolismo na queima de gordura.

Como ele é um triglicerídeo de cadeia média consegue ser absorvido de forma fácil e trazer energia para o fígado. Ao acelerar o metabolismo facilita a queima de gordura.

No entanto, sozinho o óleo de coco não faz milagre, deste modo, o correto é associar a uma dieta equilibrada. Como consequência ele pode diminuir em até sete vezes a gordura abdominal, conforme estudo recente da Universidade de Columbia, nos Estados Unidos.

4 – Óleo de coco para hidratar pele e cabelos

O óleo de coco pode trazer bons resultados para o cabelo e a pele com o uso oral e tópico. Antes de dormir, procure passar nos fios para garantir mais brilho e uma queda menor.

Isto ocorre, pois o óleo inibe a enzima 5-alfa-redutase, fazendo com que diminua a queda do cabelo, em casos de alopecia idiopática.

5 – Óleo de coco contra os óleos de cozinha

Por fim, outra forma de usar óleo de coco é na substituição dos tradicionais óleos de cozinha. Como ele é um triglicerídeo de cadeia média, possui capacidade de atingir altas temperaturas e não oxida suas propriedades.

Quando ele entra em contato com o calor, não se transforma em gordura trans, ao contrário dos óleos vegetais como óleo de soja, milho, canola.

Diante destas características, o óleo de coco é funcional, pois serve para a dieta, pele e até para os cabelos. Com estes benefícios nada melhor que incluir o óleo de coco em sua rotina.

0/5 (0 Reviews)

Pin It on Pinterest

Share This